Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Metodologia para Delimitação de APP de Topo de Morro usando SIG

Metodologia para Delimitação de APP de Topo de Morro usando SIG

O Novo Código Florestal brasileiro, lei n° 12.651/2012 trouxe novos parâmetros para a definição das Áreas de Preservação Permanente (APP) em topos de morros. O artigo que estamos divulgando aqui propõe uma metodologia para aplicação desta lei no ambiente do Software ArcGIS.

ARCGIS NA DELIMITAÇÃO DE APP DE TOPO DE MORRO

O artigo Metodologia para delimitação de APPs em topos de morros segundo o novo Código Florestal brasileiro utilizando sistemas de informação geográfica foi publicado nos Anais da edição de 2013 do SBSR.

ClickGeo: Cursos de GeotecnologiasA delimitação das APP em topos de morros foi realizada através de uma série de processos que localizam estas áreas com base em funções matemáticas no ArcGIS. A base de dados utilizada consiste em um MDE ASTER, com resolução espacial de 1 arc seg, que correspondente a  aproximadamente 30 metros.

Metodologia para Delimitação de APP de Topo de Morro usando SIG

Antes de definir a base legal dos morros, é preciso determinar sua base hidrológica. Para tanto, é necessário que se inverta o MDE original. Isto é, os pontos de topos se tornam fundos de vale e vice-versa.

O MDE foi submetido ao processo de remoção de inconsistências hidrológicas do modelo. Foi calculada diferença máxima de altitude entre cada célula (pixel) central e suas oito células adjacentes.

DOWNLOAD DO ARTIGO SOBRE TOPO DE MORRO

Certamente vale ler em detalhes todos os aspectos desta metodologia proposta. Inclusive é bom destacar que embora ela tenha sido construída em suas práticas com base no ArcGIS outros programas de SIG como QGIS, gvSIG, etc.

Para fazer o download, clique no link abaixo:




Recomendo que leia também as seguintes dicas publicadas em nosso portal:

Aguardamos seus comentários.

Assine nosso FeedAssine nosso Feed e receba nossas atualizações por e-mail. Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Twitter [@ClickGeo] para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias.

]]>

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Receba novidades

Junte-se a milhares de pessoas que recebem em primeira mão todas as novidades